O Consumo de Drogas pela Juventude Brasileira

Annie Rangel Kopanakis, Bruna Risquioto Batoni, Debora Ortolan Fernandes de Oliveira

Resumo


O consumo de drogas pela juventude tem sido foco de debates políticos e alvo de estudos acadêmicos que buscam compreender esse fenômeno na sociedade brasileira. Este artigo propõe uma reflexão sobre significado da disposição subjetiva de consumir drogas na juventude contemporânea. Objetiva-se discorrer sobre o consumo de psicoativos por jovens, através de uma discussão fundamentada em uma leitura sociológica e psicanalítica do uso de substâncias psicoativas, sobretudo o álcool. A metodologia aplicada foi um estudo exploratório com breve revisão da literatura sobre drogas, juventude e adolescência que fundamentou a presente discussão embasada na luz da psicanálise e sociologia. Os resultados encontrados relataram que a juventude brasileira consome álcool e outras drogas em busca de bem-estar e aceitação social. 


Palavras-chave


Psicanálise; Juventude; Drogas.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25061/2527-2675/ReBraM/2018.v21i2.534

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Brasileira Multidisciplinar-ReBraM (e-ISSN: 2527-2675)

Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / Brasil / CEP 14801-340