Revista Brasileira Multidisciplinar https://revistarebram.com/index.php/revistauniara <div id="journalDescription"><p>A<strong> Revista Brasileira Multidisciplinar – ReBraM</strong> é uma das publicações do Núcleo de Produções Científicas da Uniara. É um periódico criado em 1997 (na ocasião denominado “Revista Uniara”) e, que desde então, sofreu grande evolução com o objetivo de aumentar a visibilidade e abrangência nacional e internacional, além de tornar o processo de submissão e publicação mais eficiente.</p><p>Publica artigos inéditos das mais diversas áreas da ciência que apresentem resultados originais de pesquisa, trabalhos de revisão, de divulgação, comunicações breves, resenhas nos idiomas português, inglês e espanhol produzidos por pesquisadores e/ou professores, alunos de pós-graduação, vinculados a instituições de ensino superior e institutos de pesquisa nacionais e internacionais.</p><p>Com periodicidade quadrimestral, publicando cada uma de suas novas edições nos meses de Janeiro, Maio e Setembro, entretanto, o fluxo de recebimento de trabalhos é contínuo.</p><p>Todos os artigos submetidos à revista são submetidos à avaliação de consultores <em>ad hoc </em>com experiência na área do manuscrito.</p><p>Atualmente, este periódico está <strong>indexado nas seguintes bases de dados e buscadores:</strong> ; Base - Bielefeld Academic Search Engine (Approved); Latindex (Approved); Redib (Approved); OpenAire; PKP INDEX; Gale Cengage Learning; (Approved) ; Ebsco Host (Approved); DOAJ (Approved); Portal Periódicos CAPES/MEC (Approved); Sumários (Approved )Google Scholar; Funadesp; Redalyc (em avaliação); Dialnet (em avaliação); ErihPlus (em avaliação). Esses indexadores internacionais têm como objetivo promover a divulgação e visibilidade dos artigos publicados pela revista.</p><div> </div><div><p>Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos </p></div></div><div> <img src="/public/site/images/admuni2k/Marca-ABEC-Simples_10porcento.jpg" alt="" /></div><div> </div><div> </div><div><span>Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA) </span></div><div><span><br /></span></div><div><img src="/public/site/images/admuni2k/dora200pxcolor.jpg" alt="" /></div> pt-BR <ul> <li>O(s) autor(es) autoriza(m) a publicação do artigo na revista;</li> </ul> <p><br />• O(s) autor(es) garante(m) que a contribuição é original e inédita e que não está em processo de avaliação em outra(s) revista(s);</p> <p><br />• A revista não se responsabiliza pelas opiniões, ideias e conceitos emitidos nos textos, por serem de inteira responsabilidade de seu(s) autor(es);</p> <p><br />• É reservado aos editores o direito de proceder ajustes textuais e de adequação do artigo às normas da publicação.</p> <p> </p> <p>Os conteúdos da <strong>Revista Brasileira Multidisciplinar – ReBraM</strong> estão licenciados sob uma<a href="https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/"> Licença Creative Commons 4.0 by. </a></p> <p><img src="blob:https://revistarebram.com/2612256d-26d6-42d9-8777-e78f4acfbbdf" /></p> <p><strong>Qualquer usuário tem direito de:</strong></p> <ul> <li><strong>Compartilhar</strong> — copiar, baixar, imprimir ou redistribuir o material em qualquer suporte ou formato.</li> <li><strong>Adaptar</strong> — remixar, transformar, e criar a partir do material para qualquer fim, mesmo que comercial.</li> </ul> <p> De acordo com os seguintes termos:</p> <ul> <li><strong>Atribuição</strong> — Você deve dar o crédito apropriado, prover um link para a licença e indicar se mudanças foram feitas. Você deve fazê-lo em qualquer circunstância razoável, mas de maneira alguma que sugira ao licenciante a apoiar você ou o seu uso.</li> <li><strong>Sem restrições adicionais</strong> — Você não pode aplicar termos jurídicos ou medidas de caráter tecnológico que restrinjam legalmente outros de fazerem algo que a licença permita.</li> </ul> <p>Autores concedem à ReBraM os direitos autorais, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a <a href="https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/">Licença Creative Commons 4.0 by. </a><strong>, </strong>que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.</p> revistauniara@uniara.com.br (Thatiany Mariano) revistauniara@uniara.com.br (Thatiany Mariano) Sex, 01 Set 2023 00:00:00 -0300 OJS 3.2.1.1 http://blogs.law.harvard.edu/tech/rss 60 Envelhecimento e resiliência: conceitos, incursões e desenvolvimento subjetivo https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1485 <p>O crescimento acelerado da população idosa é considerado um fenômeno mundial. O envelhecimento ocorre de forma multifatorial e heterogênea, influenciado pelas experiências vividas e do contexto sociocultural em que os indivíduos estão inseridos, o que pode criar uma conjuntura favorável ao estabelecimento de quadros de vulnerabilidade. O presente estudo volta a atenção à capacidade pessoal do indivíduo se adaptar, a resiliência, e com objetivo de revisitar o conceito de resiliência psicológica que poderia auxiliar no desenvolvimento de melhores estratégias para prestação de cuidados à pessoa idosa. Trata-se de uma revisão de literatura narrativa, com uso da literatura científica pré-existente para compilar e organizar informações relevantes sobre a resiliência psicológica e o envelhecimento, abordando questões epistemológicas da resiliência enquanto conceito e fatores relacionados. A resiliência é focalizada como uma variável individual e essencial para a manutenção da saúde e que exerce influência sobre percepções do sujeito sobre si mesmo e o mundo ao redor, o que poderia contribuir para um envelhecimento com maior qualidade. No que tange às implicações práticas do que foi exposto, é aventado que a resiliência pode ser utilizada na avaliação como um indicador de autonomia e independência do sujeito, assim permitindo a concepção das potencialidades e limitações do mesmo. É viável cogitar a elaboração de programas educacionais centrados na promoção da resiliência, visando capacitar a população idosa e assim beneficiar a independência destes, consequentemente amenizando a demanda de cuidados no sistema de saúde pública.</p> Dante Ogassavara, Erminda Pongiluppi Aluani, Marta Ferreira Bastos, José Maria Montiel Copyright (c) 2023 Revista Brasileira Multidisciplinar https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1485 Sex, 01 Set 2023 00:00:00 -0300 Escolhas alimentares brasileiras: do que estamos falando? https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1522 <p>As escolhas alimentares dos consumidores são motivadas por diversos aspectos que podem ser conscientes ou inconscientes, em relação à alimentação, como ambientais (políticos, sociocultural, físico e econômico) e individuais (emocionais, habilidades culinárias, bem-estar, tempo). O objetivo do presente trabalho foi sumarizar a literatura pertinente sobre as escolhas alimentares dos brasileiros e provocar um olhar para promoção da saúde da população. A síntese de conhecimentos foi delineada por uma revisão bibliográfica, a partir das estratégias PECOS e busca <em>booleana</em>. A sumarização das informações foi realizada de junho de 2021 a maio de 2022, em três bases de dados (PubMed, LILACS e SCOPUS) com Descritores em Ciências da Saúde (DeCS) e <em>Medical Subject Headings</em> (MeSH). Os critérios de elegibilidade foram: artigos originais e revisões sobre escolhas alimentares humanas e os seus fatores determinantes; publicações da última década do Brasil. Dos 52 estudos, 86,5% foram observacionais transversais com a maioria publicada a partir de 2017 até 2022 (85%). O consumidor brasileiro expressou diferentes fatores que influenciam as suas escolhas alimentares, que variaram no acesso e na disponibilidade de alimentos frente as políticas públicas em diferentes características sociodemográficas e emoções positivas e negativas. A complexidade da escolha foi enfatizada em situações mais vulneráveis, como grupos da população e na pandemia da COVID-19, ressaltando a necessidade da educação alimentar e nutricional em diferentes âmbitos. Dessa forma, provocar um olhar para promoção da saúde da população brasileira é tornar essencial a intersetorialidade no entendimento das motivações e para a capacitação de suas escolhas alimentares conscientes.</p> Najla Cardozo, Maria Rita Marques de Oliveira, Graziela Alves Zanotto, Angélica Moraes Manço Rubiatti, Rita de Cássia Garcia Pereira Copyright (c) 2023 Revista Brasileira Multidisciplinar https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1522 Sex, 01 Set 2023 00:00:00 -0300 Conforto ambiental e neuroarquitetura: avaliação pós-ocupação no contexto da covid-19 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1769 <p>A pandemia da Covid-19 ocasionou grandes impactos nas vidas dos indivíduos<span style="text-decoration: line-through;"> a</span> em nível global. Em consequência à recomendação do isolamento social, as residências tornaram-se ambientes de longa permanência, fazendo necessária sua adaptação para atender as novas demandas espaciais. Esse cenário influenciou diretamente na interação dos usuários com suas moradias, refletindo no significado do habitar e na experiência do morar, implicando em alterações no estilo de vida que podem impactar na saúde física e mental dos indivíduos. Neste contexto, este artigo mostra resultados de um estudo cujo objetivo foi realizar uma Avaliação Pós-Ocupação (APO) nos ambientes residenciais, na área de conforto ambiental amparado pelas estratégias da neuroarquitetura, com o intuito de entender o espaço físico sob a ótica de seus usuários, visto que, esse espaço físico desempenha um papel fundamental no comportamento, na tomada de decisões e no bem-estar. Para isso, foi disponibilizado para a comunidade um questionário e o instrumento Poema dos Desejos. Desse modo, foram obtidos indicadores positivos de satisfação dos moradores com suas residências, no entanto, os desejos, sintomas e percepções apontadas pelos usuários evidenciam que o ambiente é capaz de prejudicar física e psicologicamente sem que se note. A análise dos resultados indica que o cenário pandêmico evidenciou que o ambiente residencial não é estático, necessitando de transformações conforme as necessidades transitórias, fazendo com que seja necessário (re) pensar a configuração dos espaços, aplicando as estratégias de conforto ambiental e da neuroarquitetura, para que elas possam auxiliar os usuários em suas relações com a moradia, proporcionando saúde e bem-estar.</p> Isadora Louise de Assis Campos, Adriano Pinto Gomes, Marina Otte Copyright (c) 2023 Revista Brasileira Multidisciplinar https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1769 Sex, 01 Set 2023 00:00:00 -0300 Um estudo sobre a longitudinalidade pela avaliação dos usuários da atenção primária em saúde https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1444 <p>A Atenção Primária em Saúde (APS) é a porta de entrada do sistema de saúde brasileiro. O atributo essencial de longitudinalidade é considerado uma característica exclusiva desse modelo de atenção. O presente artigo possui o objetivo de avaliar o atributo essencial de longitudinalidade, por meio de evidências já publicadas, na perspectiva de usuários da APS brasileira. Trata-se de uma revisão integrativa da literatura. A coleta de dados foi realizada nas bases de dados Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde, Base de dados em Enfermagem, MEDLINE e COLECIONA-SUS via Biblioteca Virtual em Saúde, utilizando o recorte temporal de cinco anos (2016-2021). Foram incluídos na amostra um total de sete artigos publicados entre 2016 e 2020 que abordavam a avaliação do atributo longitudinalidade pelos usuários. O atributo longitudinalidade possuiu uma baixa avaliação nos estudos, sendo considerados altos somente em pequena parcela dos sete artigos analisados, refletindo a necessidade de mudanças na Atenção Primária brasileira.</p> Lorena Alves Fiorenza, Cláudia Zamberlan, Naiana Oliveira dos Santos Copyright (c) 2023 Revista Brasileira Multidisciplinar https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1444 Sex, 01 Set 2023 00:00:00 -0300 Fatores associados à atividade física entre adultos: estudo de base populacional em município do Jequitinhonha, Minas Gerais, Brasil https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1446 <p>Este estudo avaliou os fatores associados à atividade física entre adultos de um município do Vale do Jequitinhonha, Minas Gerais, Brasil. Foi conduzido um inquérito domiciliar, por meio de um questionário para avaliar a atividade física, com uma amostra de 403 sujeitos com idade ≥ 18 anos. Fez-se um levantamento da distribuição do programa das academias da saúde na região. Realizou-se as análise estatística por meio do teste de qui-quadrado de Pearson. Houve adesão de 14 municípios ao programa academia da saúde, entre os 31 da Macrorregião Jequitinhonha. Dos elegíveis o sexo masculino praticou atividade física em 31,7 % e o feminino em 20,6%. Observou-se associação à atividade física de 3 dias por semana (considerados ativos) com o índice de massa corpórea entre 25 ≤ IMC &lt; 30 (excesso): RP 1.42, IC (1.05, 1.92); IMC ≥ 30 (obeso): RP 1.47, IC(0.99, 2.17). Para a inatividade física (10 minutos por semana), também houve associação ao índice de massa corpórea, com 25 ≤ IMC &lt; 30 (excesso): RP 1.30, IC (1.04, 1.64); IMC ≥ 30 (obeso): RP 1.40, IC (1.03, 1.89). Os resultados do presente estudo demonstram que existe um suporte da academia da saúde na região, diferença entre a prevalência de atividade física entre homens e mulheres e uma associação com o índice de massa corpórea. Em regiões de baixa renda, o programa academia da saúde é uma estratégia de integração da promoção da saúde para redução do comportamento sedentário, além disso contribui com a redução da gravidade da COVID-19.</p> Daniela Barreto de Moraes, Bruno Bastos Godoi, Thais Morgana Mendes Santos, Rafaela Mendes dos Santos, Magnania Cristiane Pereira da Costa, Emerson Cotta Bodevan, Delba Fonseca Santos Copyright (c) 2023 Revista Brasileira Multidisciplinar https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1446 Sex, 01 Set 2023 00:00:00 -0300 Rastreamento de doença renal crônica em colaboradores de uma universidade privada do interior de São Paulo https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1437 <p>A Doença Renal Crônica (DRC) tem caráter multifatorial, assintomático, com aparecimento dos sintomas nos estágios mais avançados, quando o tratamento, por vezes, já é por meio da terapia renal substitutiva. A prevenção dessa doença é um problema de saúde pública de fundamental importância. Os objetivos foram identificar a prevalência de DRC entre colaboradores de uma universidade interior de São Paulo e rastrear os que possuem risco de apresentar DRC, pela aplicação do questionário SCORED. Foi realizada a pesquisa de campo, descritiva e com análise quantitativa dos dados. Efetuada a coleta de dados, por meio de um questionário que aborda dados de identificação, história patológica pregressa e familiar do participante e por outro questionário denominado SCORED, que avalia o risco do indivíduo desenvolver DRC. A população do estudo foi os colaboradores da universidade. Identificou-se prevalência do sexo feminino (68%), 80% brancos, idade variou de 18 a 74 anos, 54% com superior completo. Quanto às comorbidades, 18,1% hipertensão arterial sistêmica e 8,5% doença renal e entre outras. Quanto ao uso de medicamentos, observou-se maior uso de anti-hipertensivos (14,9%) e de anticoncepcional (13,8%). O IMC variou de 17 a 47,3 kg/m<sup>2</sup>. Quanto ao SCORED, 85% tiverem pontuação &lt; 3 e 15% com pontuação &gt; 3 pontos. É relevante a realização da conscientização dos indivíduos acerca da DRC e sua prevenção, mesmo que a maioria dos colaboradores tenha atingido pontuação baixa no SCORED, pois trata-se de uma doença sistêmica que geralmente é diagnosticada tardiamente e pode resultar em falência renal.</p> <p> </p> Priscilla Cristina Machado Melo, Viviane Ferreira, Thaíne Cristina Romualdo dos Santos, Marilia Mouro Copyright (c) 2023 Revista Brasileira Multidisciplinar https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1437 Sex, 01 Set 2023 00:00:00 -0300 Análise das prescrições de antibióticos em uma unidade básica de saúde da região sul do Distrito Federal https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1265 <p>Os antibióticos estão entre os fármacos mais prescritos atualmente e, dessa maneira, a promoção do uso racional dessa classe de medicamentos é fenômeno essencial. O objetivo desse estudo foi analisar as prescrições que continham antibióticos dispensados entre os meses de maio e agosto de 2019 em uma unidade básica de saúde da região de saúde sul do Distrito Federal. Trata-se de um estudo observacional, descritivo, transversal, de coleta de dados secundários. No grupo das 832 prescrições válidas para análise, foram encontrados 17 princípios ativos. Foram encontradas 128 associações de antibióticos, correspondendo a 15% dos medicamentos. A principal via de administração nas prescrições foi a via oral. Foram prescritos 815 medicamentos segundo a denominação comum brasileira, representando o percentual de 95,35%. Este mesmo valor foi encontrado em relação à prescrição de medicamentos da Relação de Medicamentos Essenciais local. Nesse sentido, a análise realizada por esse estudo, além de contribuir para o avanço do conhecimento, revelou alguns aspectos que são essenciais para a qualificação da atenção primária.</p> Débora Santos Lula Barros, Hylane Luiz Damascena, Maria Juliana Cavalcante Viana , Winie Ramos de Oliveira Copyright (c) 2023 Revista Brasileira Multidisciplinar https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1265 Sex, 01 Set 2023 00:00:00 -0300 Radônio-222 indoor e associação com risco de câncer de pulmão na Região Metropolitana de Recife, Brasil https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1945 <p>Radônio-222 é um gás nobre considerado carcinogênico humano de Classe 1 conhecido como segunda causa de câncer de pulmão após o tabagismo. Formado a partir do urânio-238 presente no fosforito uranífero que quando exalado para atmosfera pode se acumular em ambientes fechados, representando risco à saúde humana. Este estudo possui o objetivo de analisar o risco de câncer de pulmão associado ao radônio-222 em áreas de ocorrência uranífera localizadas na Região Metropolitana do Recife, PE, Brasil. A monitoração do gás na atmosfera das residências foi realizada por meio da exposição de detectores CR-39 em câmaras de difusão. As concentrações de radônio <em>indoor </em>encontradas nas residências estudadas variaram de 2 a 1174 Bq m<sup>-3</sup>, sendo em maior parte superiores aos valores recomendados pela Organização Mundial de Saúde e União Europeia. Pode-se inferir que este estudo em nível local contribui com as estimativas nacionais de incidência de câncer de pulmão, priorizando a proteção da saúde em áreas habitadas de ocorrência uranífera.</p> Mariana Luiza de Oliveira Santos Ramos Ramos, Marcelo da Rocha Leão Magalhães, Karolayne Esthefany Melo da Silva, Emerson Emiliano Gualberto Farias, Elvis Joacir De França Copyright (c) 2023 Revista Brasileira Multidisciplinar https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1945 Sex, 16 Fev 2024 00:00:00 -0200 Evolução das serpentes boidae: relações entre fatores ambientais e tamanho corporal https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1413 <p>As pesquisas sobre serpentes possuem um amplo leque de estudos dada a grande diversidade de espécimes extintas e viventes, propiciando inúmeros questionamentos acerca do surgimento, desenvolvimento e sucesso evolutivo destes animais. Assim, este trabalho tem como principal objetivo apresentar uma visão geral da origem e evolução dos Boídeos de acordo com diferentes hipóteses, assim como, identificar e relatar fatores ambientais que possam estar relacionados com a redução do tamanho do corpo das serpentes ao longo do tempo geológico. Para tanto, foi realizada uma revisão bibliográfica em que se buscou explorar as diversas hipóteses evolutivas e taxonômicas disponíveis atualmente na literatura como, por exemplo, a questão do monofiletismo do grupo Boidae, considerando aspectos morfológicos, moleculares ou ambos, para uma melhor comparação, além de identificar quais pressões ambientais possivelmente foram importantes na seleção de animais com menor porte físico. Os resultados do levantamento bibliográfico permitiram constatar que há suporte teórico consistente para correlacionar as características morfológicas e fisiológicas dos Boídeos com as alterações climáticas, principalmente com a diminuição da temperatura média global ao longo das eras geológicas, que contribuiu para a diminuição do corpo destes animais. A diminuição da temperatura também pode ter sido um fator seletivo importante para o surgimento da viviparidade em substituição à oviparidade, uma vez que contribui para um maior êxito reprodutivo em serpentes em condições de temperaturas mais baixas, fortalecendo essas considerações.</p> Rodolfo Honorato Lacerda Copyright (c) 2023 Revista Brasileira Multidisciplinar https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1413 Sex, 01 Set 2023 00:00:00 -0300 Confiabilidade e Simples Probabilidade de Ruína de Blocos de Concreto Armado sobre duas Estacas: https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1379 <p>As normas de projeto brasileiras atuais indicam o dimensionamento de estruturas de concreto armado de acordo com o Método dos Estados Limites, utilizando fatores parciais e globais de segurança, sem especificar um estudo de confiabilidade e cálculo da probabilidade de ruína. Diversos autores indicam que o estudo de confiabilidade é necessário para avaliar a segurança das estruturas, e alguns desses conceitos já foram incorporados por normas estrangeiras. A engenharia é uma atividade de risco, e usar estatística para tratar a aleatoriedade das variáveis é a tendência moderna. Esse trabalho tem como objetivo fazer análises de confiabilidade de blocos de concreto armado sobre duas estacas de forma simples e prática, utilizando duas grandezas aleatórias: solicitação e resistência. Foram propostas formas de montar as curvas das solicitações e resistências. A confiabilidade e probabilidade de ruína de cada caso foram calculadas. Observou-se que a confiabilidade e a probabilidade de ruína são dependentes da resistência característica do concreto e do seu rigor na condição de preparo.</p> Nayara Talassa Damasceno Inácio, Rodrigo Barros, José Neres da Silva Filho, Joel Araújo do Nascimento Neto Copyright (c) 2023 Revista Brasileira Multidisciplinar https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1379 Sex, 01 Set 2023 00:00:00 -0300 A formação dos paradigmas do ensino da literatura ao longo do tempo https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1952 <p>A formação dos paradigmas do ensino da literatura ao logo do tempo se trata de uma resenha crítica do livro de Rildo Cosson “<em>Paradigmas do ensino da literatura</em>” publicado pela editora contexto, 1ª edição e 1ª reimpressão no ano de 2021 em São Paulo – Brasil, com 224 páginas divididas entre introdução e seis capítulos onde são apresentados os paradigmas do ensino de literatura em diferentes épocas ao longo da história da educação no Brasil.</p> Franscisco Carlos da Silva Caetano Copyright (c) 2023 Revista Brasileira Multidisciplinar https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1952 Sex, 01 Set 2023 00:00:00 -0300 Efeito do método pilates na água e pilates solo na força muscular e equilíbrio em idosas sedentárias https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1785 <p>Introdução: Diante do cenário de envelhecimento são necessários métodos eficazes para melhorar a força e equilíbrio, proporcionando uma maior qualidade de vida para essa população. Objetivo: Avaliar o efeito do método Pilates na Água e Pilates Solo na força muscular e equilíbrio em idosas sedentárias. Materiais e métodos: A força foi avaliada por meio de dinamômetro e o equilíbrio pela Escala de Equilíbrio Berg. Os grupos pilates água e pilates solo realizaram 16 sessões sendo que o grupo controle não recebeu intervenções. A força muscular e o equilíbrio foram avaliados antes e após o programa de exercícios. Resultados: A amostra incluiu 32 idosas divididas entre os grupos: pilates água (n =11), pilates solo (n =11) e controle (n=10). Não houve diferença estatisticamente significativa entre as comparações pré e pós de cada grupo, bem como na análise intergrupos. Ao comparar os resultados referentes ao equilíbrio pré e pós de cada grupo, foi possível verificar que houve diferença no grupo Pilates Água o que não ocorreu no grupo Pilates Solo. Conclusão: O método de Pilates na água demonstrou ser mais eficaz no equilíbrio de idosas sedentárias. &nbsp;</p> Deise Iop Tavares, Carolina Leaes Bravo, Gessica Bordin Viera Schlemmer, Daniela Vaucher Sanchotene, Alecsandra Pinheiro Vendrusculo Copyright (c) 2023 Revista Brasileira Multidisciplinar https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1785 Qui, 01 Set 2022 00:00:00 -0300 Composição e aspectos nutricionais da batata-doce (Ipomoea batatas (L.) Lam): revisão de literatura https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1490 <p class="Standard" style="text-align: justify; text-justify: inter-ideograph; tab-stops: 177.2pt;"><span style="font-family: 'Times New Roman',serif; color: black;">A batata-doce é uma raiz fonte de fibras, amido, vitaminas e minerais, além de fitoquímicos com capacidade antioxidante, que pode ser processada de diferentes formas, aumentando ou reduzindo a sua composição. Este trabalho teve como objetivo obter, através de uma revisão bibliográfica, dados relevantes sobre a composição de diferentes tipos de batata-doce, bem como sobre as mudanças na composição nutricional decorrentes da utilização de algumas das suas diferentes formas de processamento. Para seleção dos artigos, foi realizada uma busca em bases de dados eletrônicas, incluindo artigos publicados nos idiomas português, inglês e espanhol, entre os anos de 2000 e 2020. Inicialmente, foi realizada a análise dos títulos dos artigos encontrados, a fim de excluir aqueles que não contemplassem os critérios preestabelecidos, bem como aqueles repetidos. Em seguida, foi feita a leitura dos resumos, aplicando-se os critérios de inclusão e exclusão, e, por fim, uma nova filtragem através da leitura dos artigos na íntegra. Foi constatado que, dentre os diferentes tipos de batata-doce analisados, alguns revelaram um elevado teor de compostos fenólicos totais, de carotenoides e de minerais, como ferro e potássio. Outro fator importante e bastante investigado nos estudos diz respeito às alterações nutricionais advindas dos processamentos térmicos, que podem aumentar ou reduzir determinados nutrientes presentes na batata-doce, como é o caso dos compostos fenólicos e do betacaroteno. Logo, é de grande importância entender como essas técnicas interferem na composição nutricional, a fim de evitar perdas de nutrientes, bem como permitir melhores escolhas dos métodos de cocção utilizados.</span></p> <p class="Standard" style="text-align: justify; text-justify: inter-ideograph; line-height: 150%; tab-stops: 177.2pt;">&nbsp;</p> Aline Nataly Soares Vital, Cristhiane Maria Bazílio de Omena Messias Copyright (c) 2023 Revista Brasileira Multidisciplinar https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://revistarebram.com/index.php/revistauniara/article/view/1490 Sex, 01 Set 2023 00:00:00 -0300