A Interdisciplinaridade em Programa Multidisciplinar no Campus “Luiz De Queiroz” – USP

Siu Mui Tsai, Othon Silva Abrahão

Resumo


Para iniciar uma linha de raciocínio sobre a interdisciplinaridade entre temas que podem se relacionar entre si com o foco ecológico, há de se levar em conta as discussões sobre ambiente e desenvolvimento iniciadas nas décadas de 60 e 70 (ROCHA, 2003). A presença clara do objeto de estudo, o ambiente, conduziu rapidamente os olhares ao grande agente de suas transformações, o homem, e aos efeitos planetários advindos de sua ação. Lançam-se assim as bases para a constituição de um pensamento interdisciplinar, em que as ciências biológicas, exatas e humanas passam a travar um intenso diálogo entre as suas disciplinas, exigindo constante revisão de conceitos e a criação e definição de novas matérias e metodologias capazes de explicar e resolver os problemas que passaram a se apresentar e que pareciam insolúveis sob a ótica disciplinar pura. Mais do que meros diálogos, surge a necessidade de verdadeira integração de áreas de conhecimento para o completo entendimento das questões e intensa troca e apropriação de capacidades entre os diferentes atores para a solução das proposituras. Embora à primeira vista se apresente como uma...

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25061/2527-2675/ReBraM/2006.v9i2.266

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Brasileira Multidisciplinar-ReBraM (e-ISSN: 2527-2675)

Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / Brasil / CEP 14801-340