REFLEXÕES SOBRE AS CIÊNCIAS SOCIAIS NA ATUALIDADE

Osmar Ossis Gobatto

Resumo


O marxismo no seu conceito filosófico da historia é determinista, e então possibilita que o processo histórico tenha tendências, não sendo possível relacioná-lo ao imaginário e ao simbólico. Por outro lado. Weber abriu caminhos demonstrando que as teorias das ciências sociais não são permanentes, o que a racionalização e a  intelectualidade contribuíram para o desencanto do mundo, sendo que a ciência e a técnica forçaram o homem a não aceitar os valores do espírito, do sagrado e do imaginário. Mesmo assim, a racionalização não conseguiu destruí r a importância do irracional, ao contrário, aumentou a sua força. Dessa forma, a intuição não pode ser científica porque está condicionada ao imprevisível, ou seja, ao irracional. A sociologia compreensiva Weberiana abriu perspectivas para que a sociologia interagisse com outras ciências, e que o sem ido subjetivo de valores dependem de nossos desejos, sentimentos e conflitos existentes na racionalidade. Quanto mais as ciências sociais avançam. mais dúvidas surgem, assim, todo o conjunto conceituai e  teórico da atualidade fundamentado no racionalismo e determinismo entrou em crise. A contabilização atual é entre o imaginário/simbólico e o lógico/racional, existindo uma reciprocidade entre o concreto e o abstrato, relacionando-os e possibilitando a formação de um conhecimento da própria realidade.


Palavras-chave


Ciência; Determinista; Imaginário; Irracional; Lógico; Marxismo; Racional; Simbólico; Weberiano.

Texto completo:

PDF

Referências


CASTORIADIS . Corneliiis . A instituiçã o imaginári a d a .sncicdadc . R i o d e Janeiro ; P a z e Teixa , 1982.

FREUND, Julien. Sociologia de Max Weber. Rio de Janeiro: Forense,1970.

MARX . Karl . Introdução à crítica da economia política . São Paulo : Nova Cultural , 1985 .

____.O capital. São Paulo : Nova Cultural , v . 1. 1985.

MORIN , H . O método. Publicações Europa-América . Portugal . v . I II e I V . 1991.

WEBER . Max . Metodologia da s Ciências Sociais . Maurício o Traglenberg (org.) . São Paulo ; Cortez , 1993.´

COHN . Gabriel (org.) . Weber . São Paulo ; Ática.v . 1 . ^ 1991.(coleçã o grande s cientista s sociais)




DOI: https://doi.org/10.25061/2527-2675/ReBraM/1997.v1i1.357

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Brasileira Multidisciplinar-ReBraM (e-ISSN: 2527-2675)

Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / Brasil / CEP 14801-340