Conflito Socioambiental e Poluição Industrial: O Caso da Bacia do Rio Gramame-Mumbaba – Pb

Edilon Mendes Nunes, Loreley Gomes Garcia

Resumo


Este é um estudo de Ecologia Política. Trata-se da análise do Conflito Socioambiental de poluição industrial na Bacia do Rio Gramame, na comunidade de Mumbaba de Baixo, iniciado na década de 1960, mas que só muito recentemente passou a ser entendido como tal. Como se buscou compreender a complexidade do objeto em estudo, traçamos um caminho metodológico de análise do conflito a partir das partes que o compõem. Dessa forma, identificamos os atores, suas atuações, articulações, poderes e influência no conflito. Utilizamos uma metodologia socioantropológica por meio da observação participante, técnica "bola de neve", realização de entrevistas semiestruturadas, modelos mentais, análise de percepções e registros fotográficos. Constatamos que os atores não estão articulados e, em sua maioria, não desempenham seu papel definido por legislação, o que compromete as perspectivas de resolução, fazendo com que a situação se perpetue. Este trabalho se torna relevante por trazer à tona vozes que são silenciadas e, por isso, é um trabalho provocativo.

Palavras-chave


Ecologia política; Conflito socioambiental; Bacia do Rio Gramame; Mumbaba.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25061/2527-2675/ReBraM/2013.v16i1.50

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Brasileira Multidisciplinar-ReBraM (e-ISSN: 2527-2675)

Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / Brasil / CEP 14801-340