Produtividade e Qualidade da Beterraba em Função da Aplicação de Doses e Nitrogênio

Claudiane Reiz Barreto, Márcio Roggia Zanuzo, Carmem Wobeto, Claudineli Cássia Bueno da Rosa

Resumo


A beterraba esta entre as principais hortaliças cultivadas no Brasil, ocupando a 13.ª posição, em termos de valor econômico de sua produção, e a adubação nitrogenada possui papel fundamental na qualidade e produtividade da cultura. O presente estudo avaliou a influência das doses de nitrogênio (0, 25, 50, 75, 100 e 150 kg.ha-1) em cobertura nas cultivares Early Wonder e Itapuã de beterraba. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, em esquema fatorial 2x6 (cultivar x doses) com quatro repetições. Foram avaliados o número de folhas, o teor de clorofila, peso médio, diâmetro médio, acidez total titulável, pH e sólidos solúveis. Apenas o parâmetro número de folhas variou significativamente com as doses aplicadas e com as variedades, em que se obteve maior número de folhas para a cultivar Itapuã na dose de 25 kg.ha-1. Para peso médio houve resultado significativo apenas nas variedades, onde se sobressaiu a cultivar Itapuã também na dose de 25 kg.ha-1. As demais fontes de variação estudadas não responderam significativamente às doses e às cultivares.

Palavras-chave


Beta vulgaris L., Área foliar; Raízes tuberosas

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25061/2527-2675/ReBraM/2013.v16i1.52

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Brasileira Multidisciplinar-ReBraM (e-ISSN: 2527-2675)

Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / Brasil / CEP 14801-340