Crescimento industrial na região de Araraquara e São Carlos nas primeiras décadas do século XX

Helena Carvalho De Lorenzo, Larissa Carmelengo Dias Gomes, Vera Mariza Henriques de Miranda Costa

Resumo


Este artigo descreve e analisa a formação das primeiras atividades manufatureiras e o crescimento industrial na região de Araraquara e São Carlos no início do século XX. Mostra que a partir do desenvolvimento da economia cafeeira na região criaram-se as condições iniciais para o aparecimento de uma diversificada atividade de transformação industrial de bens para o consumo local e regional que pôde sobreviver enquanto prevaleceram as condições para o seu funcionamento e reprodução. Contudo, as mudanças na economia paulista, após a crise de 1929, trouxeram profundas modificações nos rumos da indústria na região. São tomados como referência estudos clássicos sobre a origem da indústria em São Paulo. Do ponto de vista metodológico a pesquisa que deu origem ao presente estudo foi de natureza exploratória e investigativa de fontes primária e secundária. As considerações finais apontam para a natureza cíclica das atividades produtivas regionais, para mudanças no ciclo produtivo da região a partir dos anos 30, e para as razões da sobrevivência de algumas empresas que conseguiram superar as dificuldades iniciais e até o século XXI participam da estrutura produtiva regional.


Palavras-chave


Crescimento industrial; origem da indústria em São Paulo; café e indústria em São Paulo; origem de indústria na região Araraquara-São Carlos.

Texto completo:

PDF

Referências


ANUÁRIO ESTATÍSTICO DE SÃO PAULO. Movimento de população e estatística moral. 1900, 1906, 1907, 1908, 1909, 1914, 1916. Repartição de Estatística e Arquivo do Estado.

ANUÁRIO ESTATÍSTICO DE SÃO PAULO. Estatística econômica e financeira. Vol. II. 1904, 1905,1906, 1907, 1908, 1909, 1914, 1916.

CÂMARA MUNICIPAL DE ARARAQUARA. Arquivos da Câmara: correspondência dos prefeitos. 1908 a 1932.

______. Atas das reuniões da Câmara municipal de Araraquara. Araraquara, São Paulo, 1908 a 1930.

______. Livros de leis do município de Araraquara. Araraquara, São Paulo, 1900 a 1930.

MUNICÍPIO DE SÃO CARLOS. Livros de registros de impostos sobre atividades: Indústrias e profissões. São Carlos, São Paulo, 1901 a 1941.

MUNICÍPIO DE ARARQUARA. Livros de registros de impostos sobre atividades: Indústrias e profissões. Araraquara, São Paulo, 1901 a 1941.

______. Livro de registro de imposto de licença de funcionamento. 1947. Araraquara, São Paulo, 1942 a 1947.

______. Livro de registo de pedidos de alvarás. Araraquara, São Paulo, 1900 a 1930.

CANO, W. Raízes da concentração industrial em São Paulo. São Paulo: Difel, 1977.

CASALECCHI, J. E. Da companhia industrial agro-pastoril d’oeste de São Paulo a Cambuy Coffee Cotton Estates. Tese (Doutorado em Ciências Humanas) – Departamento de Filosofia e Ciências Humanas, Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras. Araraquara, 1973.

CORREA, A. M. M. A história social de Araraquara. Tese (Doutorado em Ciências Humanas) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, USP, 1968.

CARDOSO DE MELLO, J. M. O capitalismo tardio: contribuição à revista crítica da formação e desenvolvimento da economia brasileira. Tese (Doutorado em Ciências Humanas) – Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, UNICAMP, 1975.

CASTRO, A. B. “A herança regional no desenvolvimento brasileiro”. In: ______ (Org.). Sete ensaios sobre a economia brasileira. Rio de

janeiro: Forense, 1971, p. 104.

DAMIANO, O. Notícias históricas sobre os bondes de São Carlos. Trabalho mimeografado. São Carlos, 1954.

DEAN, W. A industrialização de São Paulo: 1880 – 1945. São Paulo: Difusão Europeia do Livro, 1971.

FURTADO, C. Formação econômica do Brasil. 6. ed. Rio de Janeiro: F.C.E., 1966.

FRANÇA, A. M. Álbum de Araraquara. São Paulo: Ed. João Silveira, 1915.

LORENZO, H. C. Origem e crescimento industrial na região Araraquara – São Carlos 1900 – 1970. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, USP, 1979.

I B G E . D a d o s h i s t ó r i c o s d o s c e n s o s . I n s t i t u t o B r a s i l e i r o s d e G e o g r a f i a e Estatística. 1996. Disponível em: < http:// www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censohistorico/1872_1920.shtm>. Acesso em: 11 nov. 2015.

_____. População nos censos demográficos de 1872/2010. Sinopse do censo demográfico 2010. Disponível em: < http://www.censo2010.ibge.gov.br/sinopse/index.php?dados=4&uf=00>. Acesso em 11 nov. 2015.

PINA, H. A agroindústria açucareira e a sua legislação. São Paulo: APEC, 1972.

SILVA, S. Expansão cafeeira e origem da indústria no Brasil. São Paulo: Editora Alfa Ômega, 1976.

SZMERECSÁNYI, T. Apontamentos para uma história econômica do Brasil no período 1920-50. Ensaios, v. 1, n. 1, p. 3 – 42, jun. 1980.

VILLELA, A. V.; SUZIGAN, W. Política do governo e crescimento da economia brasileira: 1889 – 1945. Rio de Janeiro: IPEA/INPES, 19973.




DOI: https://doi.org/10.25061/2527-2675/ReBraM/2015.v18i1.339

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Brasileira Multidisciplinar-ReBraM (e-ISSN: 2527-2675)

Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / Brasil / CEP 14801-340