Linhas de Pensamento que Influenciam o Ensino da Educação Ambiental

Flávio Roberto Chaddad, Edilson Moreira Oliveira

Resumo


Este trabalho verificou que o ensino da educação ambiental não escapa das grandes narrativas: Parmenídica, que influenciou o positivismo, Heraclitiana, que influenciou a dialética, bem como do discurso Sofista, que está influenciando o discurso pós-moderno. Pelo viés positivista, a educação ambiental seria considerada naturalística, que visaria apenas a intervenções no meio ambiente natural. Para o viés pós-moderno, a educação ambiental seria uma forma de religar o homem à natureza. Essas correntes não tecem críticas internas ao sistema capitalista. Já a dialética marxista se configura como um dos únicos meios sanos de se propor uma nova educação ambiental que seja crítica ao sistema capitalista, contribuindo pra a edificação de uma nova sociedade.

Palavras-chave


Educação ambiental; Positivismo; Pós-modernidade; Marxismo.

Texto completo:

PDF

Referências


CAMPOS, M.F. Educação ambiental e paradigmas de interpretação da realidade: tendências reveladas. (Tese) – Doutorado, Campinas, 2000. 389p.

CHADDAD, F.R. Formação continuada: desenvolvimento de umprojeto de educação ambiental – 2002. (dissertação) –Mestrado, Campinas, 2004.

CHADDAD, F.R.; CHADDAD, M.C.;GHILARDI, R.P. Problemas e questionamentos à educação ambiental crítica. 1ed. Pará de Minas: Virtualbooks, 2011.

CHADDAD, F.R.; GHILARDI, R.Pirani.

Necessidades atuais para a educação ambiental: serão possibilidades? Enciclopédia biosfera, v.6, p.1-12, 2010.

CHAUÍ, M. Convite à filosofia. São Paulo: Ática, 1999.

CHAUÍ, M. Introdução à história da filosofia: dos pré-socráticos a Aristóteles. São Paulo: Editora Companhia das Letras, 2005.

EVANGELISTA, J.E. Crise do marxismo e irracionalismo pós-moderno. 3 ed. São Paulo: Cortez, 2002.

GUIMARÃES, M. Adimensão ambiental na educação. Campinas: papirus, 2001.

HERCULANO, S.C. Do desenvolvimento (in) suportávelà sociedade feliz. In: GOLDEMBERG,

M. (Org.). Ecologia, ciência e política. Rio de Janeiro: Revan, 2001.

LESSA, S.; TONET, I. Introdução à filosofia de Marx. São Paulo: Expressão Popular, 2012.

NIETZSCHE, F. Parmênides de Eléia.

In: . Os pré-socráticos. São Paulo: Editora Nova Cultural, 1996.

OLIVEIRA, E.M; BUCHALA,A.S. Educação, meio

ambiente edesenvolvimentohumano: dacrise do paradigmacientífico ànecessidadedadialética. In: BARBOSA, RaquelLazzariLeite(Org). Formaçãode educadores – artese técnicas – ciênciase políticas.. São Paulo: Editora UNESP, 2007, v.1, p.331-351.

OLIVEIRA, M.G.B; NOVICKI, V. Educação

ambiental no programa de despoluição da baia de Guanabara. Anped Sudeste. Rio de Janeiro: 02 a 06/05/2004. (CD-ROM)

RUSSEL, B. História do pensamento ocidental. Rio de Janeiro: Ediouro, 2001.




DOI: https://doi.org/10.25061/2527-2675/ReBraM/2014.v17i2.22

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Brasileira Multidisciplinar-ReBraM (e-ISSN: 2527-2675)

Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / Brasil / CEP 14801-340